Quais são os 5 principais problemas atualmente no varejo brasileiro? Você é capaz de identificar se sua loja passa por problemas atualmente? Seu negócio esta perdendo mercado? Você esta tendo mais desafios do que pensava no seu comercio? Se as resposta a alguma dessas perguntas for sim, então fique ligado aqui para saber mais como se prevenir contra estes problemas, mostraremos neste post como se precaver contra cada um dos 5 principais problemas em lojas de varejo.

Esta preparado? Então vamos lá.

Primeiro gostaria de introduzi-lo sobre o significado de varejo, sendo pesquisas Varejo é um termo usado para designar os setores de comércio que vendem diretamente para os consumidores finais. As atividades do comércio varejista são importantes, pois geram uma grande quantidade de empregos no Brasil.

 

Quais são os 5 principais problemas do varejo?

  1. Não controlar corretamente seus processos de vendas
  2. Confundir dinheiro da empresa com dinheiro próprio
  3. Vender e não ter a margem de lucro esperada
  4. Não ter um pulmão financeiro no caixa da empresa
  5. Não divulgar sua marca nos meios online

 

  1. Não controlar corretamente seus processos de vendas

Hoje em dia são muitos os casos onde o empreendedor, principalmente o iniciante e pequeno não saber corretamente olhar para indicadores como jornada de compras, perfil de cliente ideal, atração de leads qualificados para compra, processos de prospecção inbound, processos de prospecção outbound, fluxo de trabalho de vendas, controle de resultados entre outros pontos.

Porém sem um processo eficaz de controle dos seus processos de vendas e a definição do perfil ideal do cliente que se deseja atender, fica muito difícil ter bons resultados. Por isso ai vai a primeira regra de ouro, defina para que você quer vender, como se dará a relação com este cliente e quais dores você irá solucionar na vida dele. Para saber mais sobre como definir estes pontos deixo este material – Como entender o perfil de cliente ideal.

  1. Não confundir dinheiro da empresa com dinheiro próprio

O caixa da sua empresa precisa ser bem controlado, entendemos este tópico como hiper importante para um negócio saudável, pois quando você se deixa levar por erros básicos como este, seu fluxo de caixa, assim como mensuração de lucro, receita, margem, custos fica totalmente descontrolados.

Recomendamos fortemente que você possua um controle por mais simples que seja e que nele consiga mensurar seus gastos com a empresa, assim como prever seus custos mensais, trimestrais e anuais, podendo assim se antecipar a eles.

Nunca usar sua conta pessoal para realizar pagamentos de custos da empresa e o inverso também nunca será saudável. Abra uma conta empresarial para controlar seus gastos empresariais, hoje em dia existem bancos que não cobram taxas para isso e te trazem muita segurança como Nubank, Banco Inter,entre outros.

Também recomendo muito que você use um software de gestão de caixa para seu negócio, em nossa empresa usamos o bling e nos serve muito bem.

 

  1. Vender e não ter a margem de lucro esperada

Este é um tópico muito polêmico pois muitos acham que devem vender a qualquer custo, pois dependem da venda e não podem desperdiçar , pois bem, não é bem assim.

Certo vez ouvi uma frase que até hoje guardo para mim que é: Pior que perder um cliente é adquirir um cliente que não da lucro.

Pois bem saber qual seu custo para atender aquele cliente é de extrema importância, se vende produto ou serviço você precisa precifica-lo com base em vários fatores, entre eles.

  • Custo de matéria prima
  • Custo de mão de obra empregada
  • Custos fixos como alugueis, agua, luz,etc
  • Custos variáveis
  • Custos com ferramentas de trabalho
  • Preço praticado pela concorrência
  • Entre outros

Sem isto fica impossível precificar seu produto, e se fizer bem feito verá que sua margem no final das contas estará em ordem.

Nunca de descontos e sim negocie eles em troca de outra coisa, exemplo : prazo, tempo de contrato, recorrência de compra, volume de compra,etc.

  1. Não ter um pulmão financeiro no caixa da empresa

Esta é muito simples e direta, entenda pulmão financeiro como capital de giro, cada negócio tem sua necessidade de capital mas não se esqueça dele pois pode atrapalhar o pagamento de suas contas em dia com seus fornecedores.

Entenda quando vence cada boleto, cada fatura, programe seus pagamentos e tenha sempre um saldo positivo financeiro para possíveis dores de barriga.

  1. Não divulgar a marca nos meios online

Hoje em dia é sabido que o marketing digital é super importante para qualquer négocio que busca divulgar sua marca e crescer, através dele podemos alcançar um número muito alto de pessoas qualificadas para comprar, temos inúmeras ferramentas que podem ajudar o lojista a vender mais e se destacar perante seus concorrentes. Entre as ferramentas mais importantes estão o E-commerce, ou também conhecido como Loja Virtual, com esta ferramenta é possível disponibilizar seu produto na internet em uma plataforma segura e que ofereça tudo que seu cliente precisa. Existem diversas plataformas no mercado e que você pode usar, desde gratuitas até mais profissionais. É recomendado buscar ajuda de profissionais para ajuda-lo a fazer toda configuração e colocar sua loja no ar. Se quiser saber mais sobre o assunto leia este nosso artigo. Tudo o que você precisa saber sobre criação de e-commerce

Deixei seu e-mail e receba noticias fresquinhas em sua caixa.

Cadastre já.